26 de jan de 2018

TS #337 A gentileza na rejection


Olá, meninas!

Levanta a mão aí quem nunca se sentiu profundamente injustiçada ao perceber que sua inscrição para blogueiro da loja não foi aceita.

É toda rejeição que doi na gente? Não! Umas a gente até já espera mesmo... Antigamente, ser rejeitado vinha em silêncio. Os formulários de inscrição já contavam com o item "só entraremos em contato se você for selecionado".... ou seja, se o lojista não falar nada, é porque você não coube no time dele. Alguns são até mais limitados nessa coisa de contato: "por favor, se não entrarmos em contato com você, não nos envie mensagem querendo saber da sua inscrição".... ou seja, se eu não falei nada, cacete, não venha me perguntar e fim!

E assim, sofríamos calados também. Quando a loja publicava lá os nomes dos novos blogueiros e o nosso não estava na lista, a ferida dava uma pontada. A lista era a certeza de que, naquele momento, de nada valeu gastar os últimos lindens no item mais recente da loja para fazer o post que, segundo nossa força de vontade, iria garantir nosso lugar sob aquele sol. Doeu! Doeu pra caramba... mas a gente toma um gole d'água e segue porque, se a loja não nos aceitou agora, na próxima chamada estaremos com um blog tão babadeiro e um flickr tão bombástico que nem vamos nos inscrever.... seremos convidados. #BoraTrabalhar

Acontece que as coisas mudaram um pouquinho. Alguém se incomodou com a gestão de blogueiros... precisa ter espaço para grupo... precisa ter gente conferindo post todo mês... precisa ter gerente que não abre notecard com o relatório do mês e diz que não recebeu.... precisa ter blogueiro que nem sabe que zorra é report... ahhh precisa de um monte de chateação.... hora de mudar isso! E assim nasceu o Blogotex... sem ocupar seus espaços para grupos.... sem encher seu inventário de itens que vc pega correndo nos notices com medo de perder e não vai blogar nem metade... sem ter gerente no seu pé cobrando relatório... sem ter que ir conferir todos os post's do mês para fazer relatório... sem as aporrinhações tradicionais e... para alegria de uns e dorzinha para outros.... sem o silêncio da rejeição.

Através do Blogotex, enquanto houver silêncio, há esperança. Se o lojista não respondeu sua inscrição ainda, vc tem um sim num bolso e um não no outro. Não há martelo batido. Quando você não cabe no time de blogueiros da loja, ele, o lojista, clica lá em algum botão e você recebe o gritante notcard "application rejected". Fim do silêncio. Seu sim esfarelou no bolso como biscoito velho. Talvez na próxima, quem sabe?! Tem lojista que manda o notecard seco, puro, pra descer rasgando. A gente sequer fica sabendo porque fomos rejeitados. Ainda vamos lá no sistema, vê se tem uma mensagem que nos valha como cafuné, e esbarramos no "no reason give".... o que nos remete ao silêncio de antigamente... Ô tristeza do caralho! Dá até vontade de ir tirar satisfação.... mas, não vale a pena o "se queimar". Bora tomar água e seguir a vida.

Porém, nem toda rejeição vem assim, como um punhal que sai destruindo toda nossa crença de conseguir entrar para a equipe da loja dos sonhos. Alguns explicam as razões; quer seja com o tradicional "team is full" ou com o mais explicativo "there were no products used or blogged in the last 90 days" (poxa, foi mesmo... que raiva de mim!). E outros, bem poucos eu acredito, ainda vem com um prêmio de consolação. Ainda não viveu essa experiência? Relaxe! Você pode viver sim. Vem que vou contar a minha.

Recentemente eu fiz aplicação para a loja "Love". Fui lá ver o flickr deles e achei tudo tão bonitinho. Tive esperanças de fazer parte daquele mundo cheio de coisas lindas. Fui até a loja.... esperei tudo carregar.... fiquei ainda mais encantada.... cliquei no link blogotex com tudo. Preenchi e aguardei. A resposta veio. Mas, não foi um notecard de rejeição... nem um de aprovação... foi um "Muito obrigado por seu interesse". Junto com o notecard, duas caixas com produtos da loja. Mimos para acalentar o coração ao conferir a rejection no sistema. Um belo gesto de gentileza para inspirar e não desistir de fazer parte de um time onde até os rejeitados são bem tratados. Um futuro nos aguarda, Love. Obrigada pelo carinho.

E... é isso! A rejeição pode doer mas, nada deve ser forte o suficiente para desistirmos de batalhar a aprovação. #VamosContinuarNosInscrevendo #SomosEsperançosos #BlogueirosPersistentes


Tayga

Cabeça: Bento Head Simone 3.0 da Lelutka

Corpo: Lara da Maitreya

Skin: Romie (apricot) da 7 Deadly Skins

Top: Nini Kitty Crop White eye lashes da Love

Short: Nini Kitty Panites white da Love

Cabelo: Butterfly 167 da Rezology


Decoração

Tapete/ quadro na parede: Diana  Resting Tapestry da Fancy Decor

Lustre em forma de guarda chuva: Rainy Day Ceiling lamps da Lisp Bazaar

Pilha de livros com relógio de bolso: Book Pile da Dust Bunny

Relógio com orelhas de coelho: Bunny alarm clock da Dust Bunny

Kit correspondência (porta lápis + carta + cesta de cartas): Desk Accessories da Fancy Decor

Copo de limonada (faz parte de uma barraca de limonada): The Lemonade Booth da Chez Moi

Secador de cabelos (item gacha): Hair Dryers da Bueno (link com resultado de pesquisa na busca Marketplace)

Armário (item gacha): Dover Console da Fancy Decor (a venda no marketplace só achei um. Se o link não funcionar é porque esse um já foi vendido)

Bancos (são da mesma carraca de limonada do copo): The Lemonade Booth da Chez Moi

Notebook: C. mente Laptop white set da Okidoki Marketplace

Cachorro (item gacha): JIAN Cheeky Chihuahuas 9. Black da Jian

A caixa aberta no chão é onde vem os itens da Dust Bunny. Achei bonitinha e usei


Nenhum comentário:

Postar um comentário